Transpilar código para JavaScript

Olá Pessoal,
   Hoje vamos falar sobre uma técnica para geração de código fonte em JavaScript que está sendo bastante utilizada no desenvolvimento de páginas HTML, chamada de “Transpilação”. Mas o que seria Transpilação?
   Transpilar significa converter um código fonte em outro por meio de um processo de compilação, ou seja, o programador escreve o código fonte em uma linguagem que após ser compilada gerará um código equivalente em outra linguagem. Essa técnica não é nova e já é utilizada em diversos cenários na computação, falando especificamente sobre desenvolvimento web e principalmente de JavaScript, acontece que  nos últimos anos vemos um número crescente de linguagens e compiladores que se propõem a gerar código fonte em JavaScript. 
   E por que isso está acontecendo? Apesar de JavaScript ser uma linguagem extremamente boa para o que que se propõe, a resposta está em algumas dificuldades encontradas quando estamos utilizando JavaScript de maneira séria em projetos de grande porte, algumas dessas dificuldades são:

  • O fato da linguagem não ser fortemente tipada;
  • A dificuldade em encontrar IDEs e Editores que alertam sobre erros de codificação, isso em grande parte é devido ao fato de que a linguagem não possui tipos;
  • Pelo menos até o ECMAScript 5,  não existe suporte claro para a criação de classes e interfaces;
  • Dificuldade em encontrar programadores que saibam todos os conceitos da linguagem e saibam utilizar esta em aplicações Enterprise;
    Claro que esses exemplos são simplistas e, é fato que existem no mercado alguns profissionais que possuem domínio de sobre a linguagem, mas acreditem, esses profissionais não são fáceis de encontrar e principalmente não vão vir por um preço baixo. Com relação aos Transpilers  os mais conhecidos são:

  Tenho me dedicado nos últimos meses a aprender este último, chamado de TypeScript, e que me surpreendeu bastante, principalmente porque  se assemelha bastante a linguagens “Enterprise” que já estão consolidadas, como Java e C#.  
    TypeScrpt possui algumas vantagens, que são: 
  • Suporte a criação de classes e interfaces;
  • Suporte a Generics;
  • Suporte a tipos de dados bem definidos(string, number, boolean e etc);
  • Com uma extensa gama de Editores e IDEs que podem ser utilizados.

    E o melhor de tudo isso e que como TypeScript após ser compilado gerará um JavaScript, é possível utiliza-lo também para desenvolver aplicações NodeJS, por falar nisso, é inegável o crescimento de projetos utilizando NodeJS não apenas como VM mas também como Ambiente de desenvolvimento, isso porque já existem uma gama enorme de pacotes e utilitários de linha de comando no repositório oficial, é por esse fato que podemos utilizar o NodeJS para criar nossos códigos em TypeScript.

Abrcs e até logo!
Natanael Fonseca

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s